Sustenta CaPÃO - A padaria sustentável

Os irmãos José Carlos (Zé Carlos) e Bruno Horácio (Bruno Capão) cresceram em Capão Redondo, uma comunidade na Zona Sul de São Paulo que,embora seja violenta, vem sofrendo mudanças através da arte, música e culinária. Aos 12 anos Zé Carlos já se arriscava na cozinha da avó e aos 14 começou a trabalhar em uma padaria. Já Bruno passou pela cadeia muito jovem, mas através de um sonho criou forças e seguiu em frente em busca de um futuro melhor.

            

Desde pequeno, Bruno se interessava por material reciclável. Ele gostava de observar os catadores e, o fato do lixo poder se transformar a partir de suas mãos, lhe trazia muita satisfação. Seu sonho desde cedo era ser coletor de lixo urbano, mais conhecido como lixeiro, como brinca na palestra dada no TEDx.  Mas a adolescência o levou para a reclusão na Fundação Casa. Quando saiu de lá, voltou a estudar e conseguiu um emprego como coletor no caminhão de lixo.

          

Em 2007 chegou ao Capão Redondo um projeto social chamado Instituto Rukha (palavra em aramaico que significa “sopro de vida”), do empresário Marcelo Loureiro, para atender famílias em situação de alta vulnerabilidade como a de Bruno e Zé. O Instituto funcionou até 2012 e oferecia um salário mínimo e acompanhamento de educadores e psicólogos aos moradores que participavam. Zé enxergou a oportunidade e, por meio do projeto Virada Social São Paulo, do Instituto, conseguiu emprego em uma das melhores padarias da cidade, a PÃO (Padaria Artesanal Orgânica).

            

Já o Bruno, que se formava em um supletivo e era muito ativo na Associação de Moradores do Capão, viu que o Rukha tinha uma parceria internacional que pagava um curso superior para jovens líderes de comunidades e ganhou uma bolsa, escolhendo cursar Gestão Ambiental.

            

Em 2012 Bruno se formou e viu que não tinha mais oportunidade de crescer dentro da empresa de coleta. O irmão, tinha saído da PÃO e passado por outras padarias e restaurantes. Ambos estavam em um hiato profissional. Foi ao perceber que era realmente bom no que fazia que Zé teve a ideia de abrir seu próprio negócio e chamou Bruno para fazer parte do projeto. Assim nasceu o Ateliê Sustenta CaPÃO, - trata-se de um espaço gourmet sustentável em que pessoas dos centros urbanos interagem com moradores da comunidade. Cada detalhe contém material vindo de reciclagem ou reutilização da própria comunidade e é onde os irmãos servem cafés da manhã e lanche da tarde, recheados com delícias, todas artesanais.

            

Além do espaço comunitário, que atende com reserva prévia, os irmãos iniciaram a fabricação diária de pães de mel e traçam planos para o futuro. Segundo Zé, o Sustenta é um empreendimento social que oferece experiências gastronômicas, alimentação menos industrializada e o melhor pão de mel da cidade. A comunidade consome cerca de 70% do que é produzido e o negócio dos irmãos inspira os jovens do Capão, provando que se existe um sonho concreto dentro de você, você consegue colocá-lo pra fora de alguma maneira. A verdadeira conexão entre o fazer e os nossos sonhos.

Confira a palestra na íntegra, dada pelo Bruno Capão no TEDxJardins:

https://www.youtube.com/watch?time_continue=465&v=Z1BIZmy31SI